Monumentos do Algarve Bons Momentos Promontório de Sagres Património Cultural Imaterial Portal Cultura Portugal

DGARTES abre Procedimento Simplificado para apoio a projetos de investigação, formação e ações estratégicas de mediação  | candidaturas até 28 janeiro

 

Está aberta, até ao dia 28 de janeiro de 2022, a fase de submissão de candidaturas ao Programa de Apoio a Projetos - Procedimento Simplificado, nos domínios da investigação, formação e ações estratégicas de mediação.

Com um montante financeiro global de 480 mil euros, este programa destina-se a apoiar projetos nas áreas de artes visuais (arquitetura, artes plásticas, design, fotografia e novos media), artes performativas (circo, dança, música, ópera e teatro), artes de rua e cruzamento disciplinar.

Promover a diversidade e qualificação dos profissionais das artes, assim como a participação e qualificação das comunidades e dos públicos na cultura em diversos domínios da atividade artística, valorizar a pesquisa e experimentação artísticas, fomentar a sustentabilidade ambiental e a implementação de boas práticas ecológicas e articular as artes com outras áreas setoriais estão entre os principais objetivos artísticos e de interesse público cultural desta linha de financiamento.

Podem candidatar-se projetos de investigação, projetos de formação e ações estratégicas de mediação (ações de sensibilização, captação, qualificação e envolvimento de públicos diversificados). Com exceção das entidades beneficiárias de apoio sustentado, podem apresentar candidatura pessoas coletivas de direito privado com sede em Portugal, pessoas singulares com domicílio fiscal em Portugal e grupos informais, desde que nomeiem como seu representante uma pessoa singular ou coletiva com domicílio ou sede fiscal em Portugal, que aqui exerçam, a título predominante, atividades profissionais numa ou mais das áreas artísticas referidas.

Este procedimento simplificado permite ao candidato solicitar um apoio financeiro entre quinhentos euros e cinco mil euros, sendo o montante global disponível (480 mil euros) distribuído, até ao seu limite, a partir da candidatura mais pontuada.

Os projetos devem ser executados entre 1 de abril de 2022 e 31 de outubro de 2023 e prever obrigatoriamente atividade presencial pública, podendo esta ser complementada com atividade difundida através de meios digitais.

Todas as informações úteis aos candidatos, incluindo o aviso de abertura e restante legislação aplicável, materiais de apoio, contactos para esclarecimento de dúvidas e acesso ao formulário de candidatura, estão disponíveis no Balcão Artes.

Fonte: Direção Geral das Artes

21 dezembro 2021