• Estação Romana da Quinta da Abicada

    Estação Romana da Quinta da Abicada

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar - edifício tumular "Alcalar 7"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar - edifício tumular "Alcalar 7"

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar – interior do edifício tumular "Alcalar 7"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar – interior do edifício tumular "Alcalar 7"

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar – "Um dia na pré-história"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar – "Um dia na pré-história"

  • Castelo de Aljezur – Torre semi-cilindrica

    Castelo de Aljezur – Torre semi-cilindrica

  • Castelo de Aljezur – Muralha e acesso

    Castelo de Aljezur – Muralha e acesso

  • Ermida de N.S. de Guadalupe e Casa rural

    Ermida de N.S. de Guadalupe e Casa rural

  • Panorâmica da exposição no interior da Casa rural

    Panorâmica da exposição no interior da Casa rural

  • Castelo de Loulé – "Música nos Monumentos"

    Castelo de Loulé – "Música nos Monumentos"

  • Torreões do Castelo de Loulé

    Torreões do Castelo de Loulé

  • Ruínas Romanas de Milreu – Casa rural

    Ruínas Romanas de Milreu – Casa rural

  • Ruínas Romanas de Milreu – Pormenor de mosaico

    Ruínas Romanas de Milreu – Pormenor de mosaico

  • Castelo de Paderne

    Castelo de Paderne

  • Castelo de Paderne – Ruína da Ermida de N.S. da Assunção

    Castelo de Paderne – Ruína da Ermida de N.S. da Assunção

  • Ruína da Ermida de N.S. da Assunção - "Música nos Monumentos"

    Ruína da Ermida de N.S. da Assunção - "Música nos Monumentos"

  • Fortaleza e Promontório de Sagres

    Fortaleza e Promontório de Sagres

  • Capela de N.S. da Graça – "Música nos Monumentos"

    Capela de N.S. da Graça – "Música nos Monumentos"

Página Inicial Monumentos do Algarve Bons Momentos Promontório de Sagres Prémio Regional Maria Veleda

cartaz “Sons Daqui”

JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO nos Monumentos do Algarve
PATRIMÓNIO NATUREZA
Pessoas - Lugares - Histórias

MONUMENTOS MEGALÍTICOS DE ALCALAR
22 de setembro

Os “Sons Daqui”, por SONDA, um projeto de Pedro Glória, apresentado por Rizoma Lab - Associação Cultural, entre as 19h18 e as 21h. Trata-se de uma intervenção multimédia em formato de instalação/performance audiovisual, que os elementos recolhidos partem de uma abordagem direta à comunidade que habita em torno do monumento, e serão integrados em tempo real na experiência sensorial, sonora e auditiva, desenhada especificamente para este monumento. Coincidindo com o equinócio de Outono será o momento ideal para observar o pôr-do-sol e o céu estrelado. Conta com o apoio do Museu Municipal de Portimão.

Entrada livre e participação gratuita.
No dia 24 de setembro a entrada é gratuita em todos os monumentos.

cartaz “Castelo e História de Loulé”

JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO nos Monumentos do Algarve
PATRIMÓNIO NATUREZA
Pessoas - Lugares - Histórias

CASTELO DE LOULÉ
23 de setembro

Na Alcaidaria do Castelo de Loulé, irá acontecer o projeto “Castelo e História de Loulé”. O programa inicia-se pelas 16horas com a apresentação da Lenda da Moura de Cássima, pelo Teatro Análise de Loulé – Casa da Cultura, seguido de um atelier para crianças inspirado na lenda (16h15). Pelas 17horas terá início a palestra “O Castelo e a História de Loulé” por Luis Palma, seguida de um passeio pelo Centro Histórico (18horas). Projeto da Almargem – Associação de Defesa do Património Cultural e Ambiental do Algarve com o apoio da Câmara Municipal de Loulé.

Entrada livre e participação gratuita.
No dia 24 de setembro a entrada é gratuita em todos os monumentos.

cartaz“Jangada de Pedra”

JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO nos Monumentos do Algarve
PATRIMÓNIO NATUREZA
Pessoas - Lugares - Histórias

ERMIDA DE NOSSA SENHORA DE GUADALUPE
24 de setembro

O ciclo de música ibero atlântica “Jangada de Pedra” irá ser apresentado pelas 17 horas com o concerto Mundi | Do barroco ao Jazz.
João Pedro Cunha (violino) e Zoran Stojanovic (guitarra) com créditos firmados no panorama nacional e internacional propõem um programa verdadeiramente globalizante. Partindo da profundidade e emoção contida do pai Johann Sebastian Bach, culminarão na virtuosidade expansiva do jazz da tradição de Grapelli e Venuti. Um projeto da Academia de Música de Lagos.

Entrada livre e participação gratuita.
No dia 24 de setembro a entrada é gratuita em todos os monumentos.

cartaz“Do Saber ao Fazer: Bioexperiências Romanas no Labor"

JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO nos Monumentos do Algarve
PATRIMÓNIO NATUREZA
Pessoas - Lugares - Histórias

RUÍNAS ROMANAS DE MILREU
24 de setembro

“Do Saber ao Fazer: Bioexperiências Romanas no Labor”, irá acontecer entre as 15h e as 17h30.
O projeto pretende dar a conhecer o estilo de vida dos romanos que habitaram este local, assim como as técnicas e conceitos científicos por eles aplicados. Haverá actividades de pintura em revestimento de cal, identificação de recursos marinhos utilizados pelos romanos, processos de produção de ingredientes e unguentos, com um espaço infanto-juvenil e mostra de produtos regionais. 
Projeto do Centro de Ciência Viva do Algarve, Universidade do Algarve, Barroca e Requinte Turquesa. 


A participação neste projeto requer inscrição através de milreu@cultalg.pt.

 

cartaz“Momentos Fantásticos com Património: Lugares Falados em Comum”

JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO nos Monumentos do Algarve

PATRIMÓNIO NATUREZA

Pessoas - Lugares - Histórias

Fortaleza de Sagres

23 a 24 de setembro

“Momentos Fantásticos com Património: Lugares Falados em Comum”, um projeto da Vicentina - Associação Para o Desenvolvimento do Sudoeste, irá acontecer na Fortaleza de Sagres nos dias 23 a 24 de setembro (das 17h00às 9h30).

Projeto multidisciplinar direcionado para famílias, integra um enquadramento do lugar “Que lugar é este?” por Rui Parreira, pelas 17h30, seguido do Chá das 5 – Grupo de Leitura Teatral, às 18h30. Esta é uma criação de Neusa Dias, Paula Gonçalves, Cristina Chafirovitch, Inês Cardoso e Marta Gorgulho, acolhida pela associação cultural, Rizoma Lab. Neste programa, textos de teatro nos desafiam a pensar sobre as forças e poderes da globalização em países outrora colonizados por Portugal. O texto apresentado será "O Pagador de Promessas" do dramaturgo, Brasileiro Dias Gomes.

Pelas 18h30, “O Mundo no Monumento”, atelier de expressão criativa com pintura e ilustração, será orientado por Sara Glória e direcionado para o público infantil (<12 anos).

Pelas 20 h segue-se Sabores da Lusofonia, cuja degustação manterá ainda o seu segredo. Sugere-se que os nossos participantes tragam alimentos da Terra e do Mar para partilha. A Roda da Capoeira, irá acontecer entre as 20h e as 22h, dinamizado pela Associação Jogando Capoeira. Este será o momento de aprender sobre as múltiplas características e riqueza de valores da Capoeira, hoje património cultural imaterial da Humanidade, e que é um dos maiores símbolos da manifestação cultural afro-brasileira.

E para terminar uma noite fantástica, nada melhor do que o “Contos de Lugares pelo Mundo” por Nelda Magalhães, pelas 22horas. Dormir e sonhar…. E o alvorecer na Fortaleza para o pequeno almoço e cheiro a maresia….

Actividade que inclui a pernoita no monumento, mediante inscrição (através de sonia.felicidade@vicentina.org).

 Entrada livre e participação gratuita.

 

Jornadas Europeias do Património 2017
- Monumentos afetos à Direção Regional de Cultura do Algarve

Decorrem nos dias 22, 23 e 24 de setembro de 2017, as Jornadas Europeias do Património 2017, este ano subordinadas ao mote Património e Natureza. Pessoas, Lugares, Histórias.

O programa da DRCAlgarve para estas comemorações decorre em vários dos monumentos que gere, com o seguinte regime de ingresso para visitantes e participantes.

A participação em todas as atividades é gratuita, sendo para algumas necessária prévia inscrição. Para mais informações deve ser consultada a programação específica para cada monumento bem como o cartaz geral do programa.

Jornadas Europeias do Património 2017 - Monumentos afetos à Direção Regional de Cultura do Algarve

Fernanda BorsattiNOTA DE PESAR

O Ministro da Cultura, Luís Filipe de Castro Mendes, manifesta o seu profundo pesar pela morte de Fernanda Borsatti, uma atriz inconfundível, que sempre se destacou pela versatilidade, ao mesmo tempo que deixou uma marca pessoal na arte de representar.

Ao longo de mais de seis décadas de trabalho, Fernanda Borsatti integrou diversas companhias de teatro, desempenhando também numerosos papéis no cinema e na televisão. Da revista à comédia, do drama à ficção, foi contemporânea do crescimento do teatro e do nascimento da televisão pública no nosso país, levando as artes a um maior número de cidadãos.

Ao seu público manifestou sempre respeito e gratidão, fazendo parte da vida de muitos portugueses, que a reconheciam e acarinhavam.

Fernanda Borsatti foi homenageada e premiada em vários momentos da sua carreira, mas manteve sempre a discrição: “O melhor que uma pessoa pode ter na sua vida é fazer aquilo de que gosta. E eu tenho essa sorte, que é ser atriz!”

Lisboa, 14 de setembro de 2017.

Luís Filipe de Castro Mendes

Cartaz Jornadas Europeias do PatrimónioJORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO nos Monumentos do Algarve

PATRIMÓNIO NATUREZA - Pessoas - Lugares - Histórias

As Jornadas Europeias do Património são uma iniciativa anual do ICOMOS que pretende sensibilizar os cidadãos da Europa para a valorização do Património. Este ano irão decorrer de 22 a 24 de setembro, subordinadas ao tema Património Natureza: Pessoas – Lugares – Histórias.

Neste âmbito e integrado no Programa DiVaM – Dinamização e Valorização dos Monumentos - a Direção Regional de Cultura do Algarve preparou um programa cultural para os monumentos da região, que pretende realçar e preservar a relação das dimensões “natureza” e “património”, fundamental para a valorização do território, para a promoção das identidades locais e da qualidade de vida da comunidades.

PROGRAMAÇÃO:

Ruínas Romanas de Milreu

22 de setembro

A exposição Perspectivas “37º05`42,73”N 007º54º`13,85”W” constituirá o evento de abertura das comemorações. A inauguração com início às 17 horas contempla a apresentação do filme “O Mundo de Milreu”. O projeto dá a conhecer as perspectivas de vários artistas dos 5 continentes sobre Milreu que se constitui o epicentro de uma manifestação artística à escala global. Um projeto de Nuno Murta e Carlos Norton da Associação Fungo Azul.

 

24 de Setembro

“Do Saber ao Fazer: Bioexperiências Romanas no Labor”, irá acontecer entre as 15h e as 17h30.

O projeto pretende dar a conhecer o estilo de vida dos romanos que habitaram este local, assim como as técnicas e conceitos científicos por eles aplicados. Haverá actividades de pintura em revestimento de cal, identificação de recursos marinhos utilizados pelos romanos, processos de produção de ingredientes e unguentos, com um espaço infanto-juvenil e mostra de produtos regionais.

Projeto do Centro de Ciência Viva do Algarve, Universidade do Algarve, Barroca e Requinte Turquesa.

A participação neste projeto requer inscrição através de milreu@cultalg.pt.

 

Monumentos Megalíticos de Alcalar

22 de setembro,

Os “Sons Daqui”, por SONDA, um projeto de Pedro Glória, apresentado por Rizoma Lab - Associação Cultural, entre as 19h18 e as 21h. Trata-se de uma intervenção multimédia em formato de instalação/performance audiovisual, que os elementos recolhidos partem de uma abordagem direta à comunidade que habita em torno do monumento, e serão integrados em tempo real na experiência sensorial, sonora e auditiva, desenhada especificamente para este monumento. Coincidindo com o equinócio de Outono será o momento ideal para observar o pôr-do-sol e o céu estrelado. Conta com o apoio do Museu Municipal de Portimão.

 

Castelo de Loulé

23 de setembro

Na Alcaidaria do Castelo de Loulé, irá acontecer o projeto “Castelo e História de Loulé”. O programa inicia-se pelas 16horas com a apresentação da Lenda da Moura de Cássima, pelo Teatro Análise de Loulé – Casa da Cultura, seguido de um atelier para crianças inspirado na lenda (16h15). Pelas 17horas terá início a palestra “O Castelo e a História de Loulé” por Luis Palma, seguida de um passeio pelo Centro Histórico (18horas). Projeto da Almargem – Associação de Defesa do Património Cultural e Ambiental do Algarve com o apoio da Câmara Municipal de Loulé.

 

Fortaleza de Sagres

23 a 24 de setembro

“Momentos Fantásticos com Património: Lugares Falados em Comum”, um projeto da Vicentina - Associação Para o Desenvolvimento do Sudoeste, irá acontecer na Fortaleza de Sagres nos dias 23 a 24 de setembro (das 17h00às 9h30).

Projeto multidisciplinar direcionado para famílias, integra um enquadramento do lugar “Que lugar é este?” por Rui Parreira, pelas 17h30, seguido do Chá das 5 – Grupo de Leitura Teatral, às 18h30. Esta é uma criação de Neusa Dias, Paula Gonçalves, Cristina Chafirovitch, Inês Cardoso e Marta Gorgulho, acolhida pela associação cultural, Rizoma Lab. Neste programa, textos de teatro nos desafiam a pensar sobre as forças e poderes da globalização em países outrora colonizados por Portugal. O texto apresentado será "O Pagador de Promessas" do dramaturgo, Brasileiro Dias Gomes.

Pelas 18h30, “O Mundo no Monumento”, atelier de expressão criativa com pintura e ilustração, será orientado por Sara Glória e direcionado para o público infantil (<12 anos).

Pelas 20 h segue-se Sabores da Lusofonia, cuja degustação manterá ainda o seu segredo. Sugere-se que os nossos participantes tragam alimentos da Terra e do Mar para partilha. A Roda da Capoeira, irá acontecer entre as 20h e as 22h, dinamizado pela Associação Jogando Capoeira. Este será o momento de aprender sobre as múltiplas características e riqueza de valores da Capoeira, hoje património cultural imaterial da Humanidade, e que é um dos maiores símbolos da manifestação cultural afro-brasileira.

E para terminar uma noite fantástica, nada melhor do que o “Contos de Lugares pelo Mundo” por Nelda Magalhães, pelas 22horas. Dormir e sonhar…. E o alvorecer na Fortaleza para o pequeno almoço e cheiro a maresia….

Actividade que inclui a pernoita no monumento, mediante inscrição (através de sonia.felicidade@vicentina.org).

 

Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe

24 de setembro

O ciclo de música ibero atlântica “Jangada de Pedra” irá ser apresentado pelas 17 horas com o concerto Mundi | Do barroco ao Jazz.

João Pedro Cunha (violino) e Zoran Stojanovic (guitarra) com créditos firmados no panorama nacional e internacional propõem um programa verdadeiramente globalizante. Partindo da profundidade e emoção contida do pai Johann Sebastian Bach, culminarão na virtuosidade expansiva do jazz da tradição de Grapelli e Venuti. Um projeto da Academia de Música de Lagos.

 

Todas as iniciativas propostas são de entrada livre e participação gratuita.

No dia 24 de setembro a entrada é gratuita em todos os monumentos.

Convite

Mesa redonda “Património e Natureza”Mesa redonda “Património e Natureza”

Dando o arranque às Jornadas Europeias do Património 2017 a Direção-Geral do Património Cultural organiza a mesa redonda dedicada ao tema “Património e Natureza”. Reunindo um conjunto heterogéneo de especialistas – Aurora Carapinha, da Universidade de Évora, José Aguiar, da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, João Ferrão, do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, Maria Antónia Castro e Almeida, consultora na área do Ambiente, Agricultura e Floresta, Mário Fortes, da Direção-Geral do Património Cultural, e Álvaro Domingues da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto – será moderada por Rita Theriaga Gonçalves, da Direção-Geral do Património Cultural.

A entrada é livre.

O Castelo de Paderne apresenta:

“A Rota da Música” – uma viagem musical pelos “Lugares de Globalização”

O Castelo de Paderne irá acolher o projeto “A Rota da Música”, uma viagem musical pelos Descobrimentos Portugueses, no próximo dia 17 de setembro, pelas 16 horas.

Este é um projeto da Sociedade Musical e de Recreio Popular de Paderne que convida todos participantes a navegar pelos lugares da primeira globalização mundial, um encontro de culturas diferentes, promovido pelos reinos ibéricos do séc XV, mostrando como as sonoridades identificam lugares, países e povos. A música vista como linguagem universal que ultrapassa fronteiras, barreiras linguísticas e afirma as diferenças culturais como a maior riqueza deste mundo.

“A Rota da Música” conta com a participação do Grupo coral e a Saxy Band, este último grupo, composto pelos elementos do naipe de Saxofones da Banda Filarmónica.

Esta é uma iniciativa organizada em parceria com a Câmara Municipal de Albufeira e integrada no ciclo DiVaM ao Ar Livre, do programa de Dinamização e Valorização dos Monumentos, organizado pela Direção Regional de Cultura do Algarve.

 

 

Projeto de Regulamento dos Programas de Apoio às ArteProjeto de Regulamento dos Programas de Apoio às Artes

Visando a sua apreciação através da recolha de sugestões feitas pelos interessados encontram-se em consulta pública até 29 de setembro o Projeto de Regulamento dos Programas de Apoio às Artes e o projeto de Regulamento relativo à Composição e Funcionamento das Comissões de Apreciação e de Avaliação.

O decreto-lei n.º 163/2017 publicado a 24 de agosto e os projetos de regulamento podem ser consultados no Portal do Governo.

Acompanhe e participe (em www.dgartes.gov.pt/node/644)

 

Comissões de apreciaçãoComposição das comissões de apreciação

Com vista à composição das comissões de apreciação, que têm como função apreciar as candidaturas que venham a ser submetidas no âmbito do concurso ao Programa de Apoio Sustentado a Entidades Artísticas que irá abrir em 2017, a DGARTES apela à manifestação de interesse por parte de especialistas, nas áreas artísticas e financeira, que queiram colaborar. 

Os interessados poderão manifestar a sua disponibilidade para o exercício de funções, no Balcão Artes, através do preenchimento de formulário próprio e submissão de CV até ao dia 17 de setembro 2017.

Boletim Bibliográfico da Biblioteca de Arqueologia relativo ao mês de agosto de 2017

Consulte aqui

Joaquim Guerreiro.

Nota de Pesar

Joaquim Guerreiro, um pensador e fazedor de cultura

É com enorme pesar que recebemos no dia 2 de Setembro, com o Festival F a decorrer, a triste notícia do falecimento de um dos seus mentores, Joaquim Guerreiro, um Homem fazedor de cultura.

No seu percurso de vida esteve associado a inúmeros projetos culturais que integraram várias áreas artísticas.

Destaca-se o seu contributo na dimensão dos grandes festivais do Algarve (como o Med, a Noite Branca e o Salir do Tempo em Loulé, ou o Alameda Beer Fest e o Festival F em Faro), mas, igualmente na valorização da arte contemporânea do Algarve, com a promoção de grandes exposições em espaços não formais, como aquelas a que assistimos no Palácio da Fonte da Pipa, nas Minas de Salgema em Loulé e, mais recente, na colaboração com a Fundação de Serralves, em Faro.

Participou em diferentes formas na vida política local tendo ocupado lugares na Assembleia Municipal, como vereador na Câmara Municipal de Loulé.

Ao nível dos equipamentos culturais deixou uma marca na renovação do Cine Teatro Louletano, na criação do CECAL em Loulé e na gestão e programação cultural do Teatro Municipal de Faro.

Joaquim Guerreiro termina o seu caminho profissional de forma prematura, aos 49 anos, como diretor delegado do Teatro Municipal de Faro.

Congregador de vontades, promovia a união e construía consensos, sendo um dos promotores na origem da proposta recente de candidatura de “Faro, a Capital Europeia da Cultura”.

Com uma enorme subtileza e dedicação foi promovendo a afirmação cultural do Algarve, remetendo-se muitas vezes a um papel tímido e discreto mas de grande convição na defesa da causa pública.

Deixamos, desta forma, uma mensagem de grande perda e enorme gratidão ao Joaquim Guerreiro que tanto deu ao nosso Algarve Cultural, apresentando os nossos sentidos pêsames aos familiares e amigos neste momento difícil.

Obrigada.

Alexandra Rodrigues Gonçalves

Diretora Regional da Cultura do Algarve/Regional Director of Culture of the Algarve