• Estação Romana da Quinta da Abicada

    Estação Romana da Quinta da Abicada

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar - edifício tumular "Alcalar 7"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar - edifício tumular "Alcalar 7"

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar – interior do edifício tumular "Alcalar 7"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar – interior do edifício tumular "Alcalar 7"

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar – "Um dia na pré-história"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar – "Um dia na pré-história"

  • Castelo de Aljezur – Torre semi-cilindrica

    Castelo de Aljezur – Torre semi-cilindrica

  • Castelo de Aljezur – Muralha e acesso

    Castelo de Aljezur – Muralha e acesso

  • Ermida de N.S. de Guadalupe e Casa rural

    Ermida de N.S. de Guadalupe e Casa rural

  • Panorâmica da exposição no interior da Casa rural

    Panorâmica da exposição no interior da Casa rural

  • Castelo de Loulé – "Música nos Monumentos"

    Castelo de Loulé – "Música nos Monumentos"

  • Torreões do Castelo de Loulé

    Torreões do Castelo de Loulé

  • Ruínas Romanas de Milreu – Casa rural

    Ruínas Romanas de Milreu – Casa rural

  • Ruínas Romanas de Milreu – Pormenor de mosaico

    Ruínas Romanas de Milreu – Pormenor de mosaico

  • Castelo de Paderne

    Castelo de Paderne

  • Castelo de Paderne – Ruína da Ermida de N.S. da Assunção

    Castelo de Paderne – Ruína da Ermida de N.S. da Assunção

  • Ruína da Ermida de N.S. da Assunção - "Música nos Monumentos"

    Ruína da Ermida de N.S. da Assunção - "Música nos Monumentos"

  • Fortaleza e Promontório de Sagres

    Fortaleza e Promontório de Sagres

  • Capela de N.S. da Graça – "Música nos Monumentos"

    Capela de N.S. da Graça – "Música nos Monumentos"

Página Inicial Monumentos do Algarve Bons Momentos Promontório de Sagres Prémio Regional Maria Veleda

Em Destaque

Cartaz "Fado, Cante e Alma Algarvia"“Fado, Cante e Alma Algarvia”

Jangada de Pedra - Ciclo de música ibero atlântica

Terá lugar na Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe, dia 25 de Novembro, a partir das 16 horas, o evento “Fado, Cante e Alma Algarvia”, palestra e recital realizados no âmbito de Jangada de Pedra- ciclo de música ibero-americana e da elevação do Fado a Património Imaterial pela UNESCO.

Um Cocktail Mediterrânico, às 16h, que integra uma pequena degustação dos sabores mediterrânicos, apoiado pela Quinta do Barranco Longo, antecede a palestra multimédia por Daniela Tomaz e o recital do Duo Lundú “Raízes e Derivações do Fado Primitivo em Portugal e no Brasil" pelas 16h30m.

Estes momentos abordam as canções de câmara que no século XIX se tornam populares nos salões particulares. Modinhas e Lundús evoluem nas constantes viagens entre Portugal e Brasil, resultando numa sonoridade e fusão de estilos que se considera estar na origem do Fado.

O recital permitirá ao público conhecer uma parte importante do espólio da música erudita do século XIX através de Modinhas, Lundús e Fado e dos compositores emblemáticos do século XX, interpretados pelo Duo Lundú na voz da mezzo soprano Joana Godinho ao som da guitarra romântica de José Farinha, acompanhados na flauta e percussão pela convidada Daniela Tomaz.

Esta iniciativa, uma organização da Academia de Música de Lagos integrada no ciclo Música no DiVaM do programa da Direção Regional de Cultura do Algarve, Dinamização e Valorização dos Monumentos 2017 – Lugares de Globalização, pretende homenagear os três géneros culturais portugueses elevados a património imaterial da humanidade: o fado, o cante e a dieta mediterrânica.

Contactos:

Direção Regional de Cultura do Algarve

geral@cultalg.gov.pt

Telef. 289 896070

_________________________________________

Fortaleza de Sagres

fortaleza.sagres@cultalg.gov.pt

Telf. 282 620 140

Sessão de EsclarecimentoSessão de esclarecimento no Algarve 

Auditório da Direcção Regional de Cultura do Algarve, entre as 10h00 e as 13h15

O Centro de Informação Europa Criativa tem como objecto a difusão da informação sobre o Programa Europa Criativa junto dos profissionais dos sectores cultural e criativo, a promoção e divulgação do acesso ao mesmo e a prestação de apoio a candidatos ou outros interessados nas actividades do Programa.

Neste sentido, realizou-se uma sessão de esclarecimento no Algarve aquando do arranque do Programa, com o propósito de divulgar mais uma vez este Programa fomos contactados por esta entidade por a mesma ter considerado ser agora altura de regressar à região com o objectivo de estimular os agentes culturais para a possibilidade de se candidatarem.

Assim, no próximo dia 24 de novembro realizar-se-á em Faro uma sessão de esclarecimento dedicada ao Programa Europa Criativa (subprogramas Cultura e MEDIA). A sessão terá lugar no auditório da Direcção Regional de Cultura do Algarve, entre as 10h00 e as 13h15.

Após as sessões haverá lugar a reuniões individuais, sujeitas a marcação. As reuniões serão agendadas após a realização das sessões, com entidades interessadas em discutir projectos e possibilidades concretas.

Trata-se de uma iniciativa promovida pelo Centro de Informação Europa Criativa em colaboração com a Direcção Regional de Cultura do Algarve, destinada a todos os agentes dos sectores cultural e criativo.

A participação é gratuita mas sujeita a inscrição através do endereço : geral@europacriativa.eu

Para saber mais

Imagem da PlataformaAtualização e caraterização dos agentes culturais do Algarve

Fichas preenchidas/enviadas até ao dia 30 de novembro do corrente ano de 2017

Para que a gestão do apoio, que anualmente a Direção Regional atribui às iniciativas culturais, possa ter maior eficácia indo ao encontro das reais necessidades dos agentes culturais do Algarve, esta Direção vai disponibilizar online uma ficha de caraterização/atualização.

Reconhecendo que muitas vezes os emails de contacto são alterados, quer por mudanças internas quer por opções de acesso, e essa informação não é devidamente disponibilizada pelos próprios, levou a que se desenvolvesse esta iniciativa. 

A ficha/inquérito será enviada por email para os contactos que se encontram disponíveis na base de dados desta Direção, o que poderá fazer surgir duplicação no envio ou falha no mesmo, pelo que se solicita a melhor compreensão e divulgação deste link entre pares. 

Cada entidade ao preencher irá disponibilizando a informação solicitada que melhor se lhe adequa.

Para aceder à ficha eletrónica

 

dgartes - candidaturas abertas

Concursos ao Programa de Apoio Sustentado

Abriram os concursos para o Programa de Apoio Sustentado 2018-2021, nas modalidades Bienal e Quadrienal, para as seguintes áreas:

- Artes Visuais: arquitetura, artes plásticas, design, fotografia e novos media;
- Cruzamentos Disciplinares;
- Artes Performativas: Dança;
- Artes Performativas: Música.

Amanhã abrem os concursos para:
- Artes Performativas: Teatro
- Artes Performativas: Circo Contemporâneo e Artes de Rua.

Mais informações no Balcão Artes, em

www.dgartes.gov.pt/pt/ebalcao/112

Fundo de Emergência para o Patrimônio Museológico em Situação de RiscoFundo de Emergência para o Patrimônio Museológico em Situação de Risco

Candidaturas até ao dia 31 de Dezembro de 2017

O Fundo de Emergência para o Património Museológico em Situação de Risco destina-se a apoiar “ações de assistência, socorro e proteção ao património museológico de regiões afetadas por inundações, terramotos, incêndios, conflitos bélicos, ameaças humanas e outras situações calamitosas que representam risco ou perigo ao Património Museológico.”

As candidaturas podem ser apresentadas até ao dia 31 de Dezembro de 2017.

Para mais informações 

logociteHD.gifPublicação da Lei n.º 93/2017, de 23 de agosto

Estabelece o regime jurídico da prevenção, da proibição e do combate à discriminação, em razão da origem racial e étnica, cor, nacionalidade, ascendência e território de origem.

 

 

cartazExposição Perspectivas “37º05`42,73”N 007º54º`13,85”W”

RUÍNAS ROMANAS DE MILREU
22 de setembro a 26 de novembro

A exposição Perspectivas “37º05`42,73”N 007º54º`13,85”W” constituirá o evento de abertura das comemorações. A inauguração com início às 17 horas contempla a apresentação do filme “O Mundo de Milreu”. O projeto dá a conhecer as perspectivas de vários artistas dos 5 continentes sobre Milreu que se constitui o epicentro de uma manifestação artística à escala global. Um projeto de Nuno Murta e Carlos Norton da Associação Fungo Azul.

 

Prémio União EuropeiaPRÉMIO DA UNIÃO EUROPEIA PARA O PATRIMÓNIO CULTURAL / PRÉMIOS EUROPA NOSTRA 2018

O Prémio da União Europeia para o Património Cultural / Prémios Europa Nostra é o mais alto galardão no domínio do Património – premeia os melhores projetos de restauro, a investigação mais notável, os mais dedicados profissionais e voluntários e os melhores programas de sensibilização, formação e educação nesta matéria. 

Em 2018, os Prémios serão utilizados como um instrumento fundamental para a promoção dos principais objetivos do Ano Europeu do Património Cultural. Será dada especial atenção à dimensão europeia dos projetos, incluindo:

• Colaboração entre organizações ou indivíduos em dois ou mais países europeus;

• Contribuição para o desenvolvimento de um senso de identidade europeia ou de coesão social europeia; E / ou

•  Enriquecimento e aprofundamento de significados simbólicos e valores estéticos extraídos da tradição europeia.

Em 2018, serão premiados mais de 30 projetos em toda a Europa. Destes, sete receberão o Grande Prémio – no valor de 10 mil euros cada -  e a um será atribuído o Grande Prémio do Público, escolhido através de votação on-line conduzida pela Europa Nostra. 

A cerimónia de entrega dos prémios terá lugar em junho de 2018, em Berlim na Alemanha. 

Concorra aqui

Logo Diário da RepúblicaApoios financeiros do Estado às artes visuais e performativas

Decreto-Lei n.º 103/2017

Estabelece o regime de atribuição de apoios financeiros do Estado às artes visuais e performativas

LogoPrograma Capitalizar

Ministério da Economia e a Estrutura de Missão para a Capitalização de Empresas, em parceria com o NERA – Associação Empresarial da Região do Algarve, apresentaram no passado dia 20 de julho, em Faro, a última das 9 Sessões de Apresentação do Programa Capitalizar realizadas ao longo do país.

Clique aqui para aceder à Apresentação.

Tela de São Pedro

Fundação Millennium BCP celebra acordo de conservação e restauro da tela do altar de Nossa Senhora da Victória na Igreja de São Pedro, em Faro

A Fundação Millennium bcp e a Fábrica da Igreja de São Pedro de Faro, irão assinar no próximo dia 4 de Novembro às 17h00, um protocolo de colaboração que visa a conservação e restauro da tela que emoldura o altar de Nossa Senhora da Victória.

Esta tela pintada denominada “Boca de Cena” e que emoldura o Altar é considerada Património Integrado do Monumento de Interesse Público, Igreja Matriz de São Pedro de Faro.

A obra atualmente encontra-se em mau estado de conservação e impossibilita a fruição do conjunto com o Altar de Nossa Senhora da Vitória, uma marca do estilo Rococó em Faro. A intervenção de conservação e restauro permitirá o melhoramento desta capela.

A intervenção terá como base a autenticidade e integridade do conjunto e permitirá uma maior fruição da estética do conjunto e manterá a sua função de culto religioso.

Identificação

Descrição: Tela pintada representando “Boca de Cena”, que emoldura o Altar de Nossa Senhora da Vitória, na Igreja de São Pedro, Faro

Localização: Igreja de São Pedro, Faro

Dono da obra: Igreja de S. Pedro

Técnica: Óleo sobre tela.

Dimensões: Grosso modo, dois triângulos superiores com 2,5 mts x 4 mts e dois retângulos laterais com 5mts x 0,45mts

Autoria: Desconhecida

Datação: Séc XVIII

Sobre a Fundação Millennium bcp:

A atividade da Fundação Millennium bcp, inserida no contexto das políticas de solidariedade social e de mecenato cultural institucional, assume-se como agente de criação de valor na sociedade, nas diversas áreas da sua intervenção. Neste sentido, tem procurado, ao longo do tempo, concentrar os seus recursos no apoio a instituições e organismos de referência e a projetos que apresentem orientação para o acréscimo de eficácia a longo prazo.

I Jornadas Técnicas da Direção Regional de Cultura do Algarve

Foto do Auditório No passado dia 11 de outubro, a Direção Regional de Cultura do Algarve promoveu as primeiras Jornadas Técnicas sob o entendimento de que a partilha técnica entre os que actuam numa mesma instituição permite um melhor conhecimento das ações em desenvolvimento. As Jornadas contribuíram para a formação interna e construção do espírito de equipa, o mote do desafio proposto aos colaboradores.

Foram apresentados os projetos inscritos no CRESC 2020, aprovados, que se especificam: Fortaleza de Sagres, Castelo de Paderne, Portal da Sé de Silves, Ruínas Romanas de Milreu e Alcalar e, ainda, um dos projetos transversais em desenvolvimento - Lojas com História. A agenda iniciou-se com um Balanço da Actividade desenvolvida, desde 2013 até Setembro de 2017, com a apresentação da evolução de alguns indicadores relativos: a evolução do quadro de pessoal; a evolução do orçamento total e das receitas próprias; a evolução dos apoios atribuídos (em valor e número de associações); o número de visitantes nacionais e estrangeiros nos monumentos afetos.

concretizações efetuadas nestes anos, e as dinâmicas em curso mereceram também uma referência especial, considerando relevante: a mudança de instalações, de imagem e de página de Internet; a criação de novas normas de apoio à Ação Cultural e à Edição; a criação do prémio Maria Veleda; o Programa de Dinamização e Valorização dos Monumentos (DiVaM) e a parceria do Café com Letras, assim como a consagração do Promontório de Sagres como Marca do Património Europeu e a inscrição dos “Lugares de Globalização” na lista indicativa das candidaturas da UNESCO a Património Mundial.

A apresentação e discussão da partilha do trabalho inter pares sobre os monumentos, com obras previstas e em curso, foi um momento de aprendizagem e troca de saberes, reconhecido como muito positivo.

O lema proposto Cultura e Património no Algarve, valores a reforçar e a democratizar para o Plano Estratégico da Direção Regional de Cultura do Algarve para 2015-2018 foi um desafio partilhado e cumprido por todos.

Na fase de apresentação das propostas de melhoria contínua para a ação da DRCAlg foram colocadas e debatidas questões de carácter técnico e financeiro, reconhecendo-se que as mesmas nem sempre conseguem ser conhecidas e compreendidas de forma alargada.

O objetivo desta partilha técnica foi atingido e considerado uma mais valia entre palestrantes e assistentes, pois permitiu não só conhecer o trabalho desenvolvido inter pares mas também a troca de informações que possibilita um ganho na prossecução dos projetos comuns.

As próximas jornadas ficaram agendadas para o próximo mês de dezembro e terão como tema “Dinamização, Ação e Comunicação Cultural”. É intenção que as Jornadas Técnicas ocorram em média 3 vezes no ano, sendo a primeira, em cada ano, dedicada às questões de gestão da organização, ao seu funcionamento e orçamento, e debate sobre a exposição técnica dos assuntos relacionados.

Fotografia

Projeto Fortificações de Fronteira: Fomento do Turismo Cultural-FORTours

Foi assinado no dia 17 de Maio, pela Direção Regional de Cultura do Algarve e a  pela Consejeria de Cultura da Junta da Andaluzia, o acordo de financiamento do Projeto OS CASTELOS DE FRONTEIRA: Desenvolvimento do Turismo Cultural Transfronteiriço (FORTours), a incrementar no âmbito do Programa de Cooperação Interreg V A Espanha – Portugal (POCTEP 2014-2020).

Alexandra Gonçalves, Diretora Regional da Cultura, salienta que “O acordo tem por base implementar um itinerário transfronteiriço que integra as fortificações baixo e tardomedievais do Sudoeste Peninsular”.

Os parceiros apostam no investimento das novas tecnologias e esperam poder atingir o tecido empresarial transfronteiriço, para o desenvolvimento de aplicações que permitam a geo-localização deste património em paralelo com a criação de um Portal WEB para difusão do itinerário.

Em ambos os lados da fronteira, em Portugal e na Andaluzia, se procederá à implementação de aplicativos interativos comuns, para usufruto nos monumentos, nas paisagens e nos lugares históricos associados ao Itinerário. Alexandra Gonçalves referiu ainda que “Vamos concentrar a nossa atenção e acção em novos formatos da mediação da atividade turística que correspondem à criação dum universo sensorial e narrativo ou seja ao universo digital das aplicações, dos jogos e/ou reconstituições interativos”.

A implementação de soluções TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) tem como finalidade oferecer modelos de experiência alternativos, baseados no consumo de novos conteúdos digitais, em continua interação, gerando a possibilidade de experiências tanto durante o percurso do itinerário como antes e depois da visita.

 

Route

UMAYYAD Route

MELHORIA DA COESÃO TERRITORIAL MEDITERRÂNICA ATRAVÉS DA CONFIGURAÇÃO DE UM ITINERÁRIO TURÍSTICO-CULTURAL.